Em busca da melhoria das suas instalações para visitantes, especialmente clientes de alto poder aquisitivo, que investem milhões em uísque Dalmore, a Whyte & Mackay levou os elementos de luxo da destilaria a um novo patamar. A nova garrafa advém de uma jornada global por alguns dos maiores mercados de Dalmore, incluindo Taipei, Xangai e Los Angeles. No final da sua viagem, retornará à Escócia, onde será vendida.
Destilados em 7 de junho de 1951, os dois barris de xerez usados para criar a bebida são os últimos da era Mackenzie, a família que administra a destilaria há mais de três gerações. O projecto foi liderado pelo master distiller, Richard Patterson, que casou cuidadosamente o uísque de 60 anos. O lançamento tem quase o mesmo tempo de maturação da série de Dalmore 62 anos, cada uma comemorando um marco na história da empresa, desde o início da destilaria em 1839.
Mais recentemente, a marca colaborou com o famoso chef italiano Massimo Bottura, para criar o Dalmore L’Anima 49 anos, vendido em leilão por £ 108.900. Depois que a primeira garrafa Dalmore de 60 anos for vendida, as outras duas serão leiloadas ou vendidas aos coleccionadores mais importantes da destilaria. Fui uma das oito pessoas globalmente convidadas para a reabertura da destilaria e o evento de lançamento.
A lista de coquetéis autorais teve releituras do Old Fashioned e um highball com um toque de porto, tudo preparado pelo diretor de experiência de uísque da Dalmore, Daryl Haldane. O auge da noite foi Richard Paterson, que estava presente para revelar o novo lançamento e dirigir o grupo de investidores.