A primeira edição do Concurso Nacional Literário, Acácias Rubras, que visa estimular a produção de obras literárias nos domínios da prosa e ficção (romance, conto e ensaios) em língua portuguesa, por novos autores, foi oficialmente lançada, recentemente, em Benguela.
Iniciativa inédita da Editora Acácias, com sede em Luanda, o prémio Acácias Rubras tem como público-alvo escritores angolanos sem obra publicada, com idades entre 16 e 40 anos, no sentido de enriquecer o mercado literário nacional, especialmente nos três géneros literários selecionados.
Falando no auditório da Rádio Benguela, durante a cerimónia de apresentação, Kiocamba Cassua, porta-voz do concurso, adiantou que as candidaturas ao Prémio Nacional Literário Acácias Rubras devem ser remetidas no período compreendido entre 21 de Maio e 31 de Julho de 2018.
Segundo Kiocamba Cassua, o júri é constituído por cinco personalidades, sendo três escritores e dois professores universitários, que irão avaliar as obras entre 01 de Agosto e 15 de Setembro do ano corrente.