Num show alusivo aos festejos do 61º aniversário da cidade de Saurimo, assinalado a 28 de Maio, de pés descalços, Heavy C cantou e encantou os habitantes desta região, com o seu vasto repertório, para alegria
dos seus admiradores e fãs.
Apesar de ter ficado longe dos palcos, o artístico não se inibiu e muito menos deixou os seus créditos em mãos alheias, cantou e dançou, mostrando ao público que, apesar das vicissitudes,
continua igual a si mesmo.
Bem sincronizada em termos vocais, Heavy C viu o seu esforço recompensado com o “assalto” da pista de dança pelo público, com destaque para a governadora da Lunda Sul, Cândida Narciso e o administrador municipal de Saurimo, Gregório Miasso, que fizeram questão de estarem presentes.
Do seu reportório saíram canções como “Quando a mulher se cansa”, “Ta provado”, “Homem casado”, “Não se mete lá”, “Porque”, “Não faz assim”, “Tarde demais” e “Minha mulher”.
Heavy C, interactivo durante a actuação com um público bastante heterogéneo, falou do seu regresso aos palcos, seis meses depois e disse estar satisfeito por voltar aonde sempre foi recebido com muito carinho e amizade.
“Obrigado mesmo de coração meus fãs, às vezes não precisamos agradecer quando nos pagam para cantar, devemos sempre agradecer e retribuir o carinho dos fãs, porque são eles os responsáveis do nosso sucesso, por isso meus fãs obrigado mesmo de coração eu vos amo”, disse Heavy C visivelmente emocionado, lacrimejando.
O show foi marcado com desfile de moda, onde vários estilistas mostraram novas tendências para esta época do ano (cacimbo).
Carlo Wambiri Maurício Furtado “Heavy C”, nascido a 9 de Fevereiro de 1980 em Angola, na província de Benguela, deu os primeiros passos como artista em 1993. Três anos mais tarde, gravou a primeira música com o grupo de rap NSPJ e depois ingressou no abstracto. Formou em 2000 o dueto Only D, com a cantora França, com a qual gravou o disco Chegamos. Com este CD, ganhou os prémios de Voz Revelação e Disco Revelação no Top Rádio Luanda do mesmo ano.