Os vencedores da 3ª edição do Prémio Livro do Ano Bertrand já são conhecidos. Como vencedores, constam a obra “A amante do governador”, do escritor e jornalista José Rodrigues dos Santos, na categoria de ficção lusófona, e na ficção de autores estrangeiros venceu a obra “O tatuador de auschwitz” de Heather Morris, e na melhor reedição de obras essenciais “Leste do Paraíso” de John Steinbeck e poesia a obra “Nómada” de João Luís Barreto Guimarães. É o primeiro prémio literário português atribuído por leitores e livreiros, que distingue os melhores livros publicados em 2018. A cerimónia teve lugar dia 23 de Abril, Dia Mundial do Livro.