A venda de divisas pelo Banco Nacional de Angola( BNA), no período entre 19 a 22 de Setembro, à banca comercial angolana totalizou o montante de 75,7 milhões de euros (equivalente a 84,6 milhões de dólares).
De acordo com os relatórios semanais do BNA sobre a evolução dos mercados monetário e cambial, as divisas vendidas registaram um ligeiro acréscimo de 30 por cento do valor disponibilizado na semana anterior, que foi de 52,7 milhões de euros.
Segundo o documento, a taxa de câmbio média de referência de venda do mercado cambial primário, apurada pelo banco central no final da última semana, manteve-se praticamente inalterada nos 166,747 kwanzas por cada dólar e nos 186,301 kwanzas por cada euro.
No último leilão, o sector de Cartas de Crédito asseguradas pelo BNA para cobertura de operações dos sectores da Indústria, Agricultura e bens alimentares absorveu o maior valor, com um total de 39,2 milhões de euros.
Para o sector de cartões de crédito o BNA disponibilizou um total de 8,9 milhoes de euros e igual valor para as operações com Viagens, Ajuda Familiar, Saúde e Educação.
Já os sectores de Telecomunicações, diversos sectores e casas de câmbio beneficiaram de valor aproximado de 8,3 e 2 milhões de euros, respectivamente, para a cobertura das suas necessidades.
Os sectores de companhias aéreas e ministérios e organismos de Estado beneficiaram de um valor aproximado de um milhão de euros cada, para a satisfação das suas necessidades.
No total foram dez os sectores beneficiados inclusive os de Reposição Cambial e da Indústria com 895 e 313
mil euros, respectivamente.

Mercado interbancário
No mercado interbancário os bancos comerciais realizaram entre si operações de cedência de liquidez sem garantia de títulos, no montante acumulado de 31,1 mil milhões de kwanzas, em maturidades de 1 a 36 dias, a taxa média de juro entre
17,50 à 20,00 por cento ao ano.
Para efeitos de regulação monetária o BNA realizou operações de mercado aberto (OMA) no montante de 63,6 mil milhões de kwanzas, nas maturidades de 7, 14, 28 e 63 dias, à taxas médias de juro de 7,50; 9,00; 11,00 e 13,00 por cento ao ano, respectivamente.

Tesouro nacional
Já para a gestão corrente do Tesouro Nacional, o Banco Nacional de Angola, enquanto operador do Estado, colocou no mercado primário Títulos do Tesouro no montante de 24,8 mil milhões de kwanzas, sendo 14,1 mil milhões de kwanzas em Bilhetes do Tesouro (BT) e 10,7 mil milhões de kwanzas em Obrigações do Tesouro indexadas ao câmbio (OT-TXC). As OT-TXC emitidas foram nas maturidades de 3, 4 e 5 anos à taxas de juro nominal de 7,00; 7,25; 7,50 e 7,75 por
cento ao ano, respectivamente.
As taxas de juro médias apuradas para os BT nas maturidades de 91, 182 e 364 dias situaram-se em 16,15 por cento ao ano para 91 dias; 20,25 por cento ao ano para 182 dias
e 23,90 por cento para 364 dias.
No segmento de venda directa de títulos ao público foi colocado o montante de 1,4 mil milhões de kwanzas, em BT nas maturidades de 91, 182 e 364 dias e OT na maturidade de 3 e 6 anos.