A Amazon alcançou na terça-feira o valor de mercado de um trilião de dólares norte-americanos
Deste modo, a companhia é a segunda no mundo a alcançar esta marca, depois da Apple no início de Agosto.
Hoje, as acções da Amazon registavam valorização de 2%, atingindo o valor recorde de 2.050,27 dólares, cada uma.
Os papéis da companhia têm registado forte valorização desde início do ano, alta de mais de 40%.
Os investidores comemoram o bom desempenho da empresa de comércio electrónico. Em Julho, a companhia teve lucro de dois biliões de dólares, impulsionado pela melhor margem operacional em 13 anos.
Diante dos resultados apresentados, as corretoras aumentaram o preço-alvo das acções alegando que os altos níveis de lucratividade podem ser um novo padrão para a empresa. Dos 48 analistas que cobrem as acções, 46 têm uma classificação de “compra”, enquanto apenas 2 recomendem “manutenção”.
A Amazon cruzou o limite de 2.000 dólares por acção pela primeira vez em 30 de Agosto, depois de dobrar seu preço em apenas 10 meses. As acções da Amazon chegaram a 1.000 dólares em 27 de Outubro de 2017. Os papéis atingiram 100 dólares pela primeira vez em 23 de Outubro de 2009.