O Banco Sol alterou o seu modelo de governação corporativa, com base no Aviso nº 1/2013, do Banco Nacional de Angola, informou esta terça-feira a instituição financeira.
A alteração aconteceu durante a Assembleia Geral do banco, referente a 2018, realizada na última sexta-feira, em Luanda, no final da qual foi nomeado um novo conselho de administração e uma comissão executiva.
Nos novos moldes de funcionamento da instituição, Coutinho Nobre Miguel passa a administrador não executivo e presidente do conselho de administração.
O banco integra, também, três administradores não executivos, um dos quais independente, bem como sete administradores executivos.
Em relação à comissão executiva, ela integra sete membros, sendo um deles o presidente, na pessoa de Mário Ferreira do Nascimento.
Fundado a 2 de Outubro de 2001, o Banco Sol tem como objecto social o exercício de operações bancárias clássicas e a retalho, bem como o exercício da actividade de micro-finanças, que esteve na base da constituição da instituição.