As principais bolsas europeias iniciaram a sessão desta quita-feira, 20 de Setembro, a transaccionar em terreno positivo, no quarto dia consecutivo
de ganhos na Europa.
O índice de referência europeu Stoxx 600 avançou 0,29% para 379,83 pontos, sobretudo apoiado pelas subidas dos sectores das matérias-primas, em especial do mineiro e automóvel.
As bolsas europeias seguem assim a tendência altista já verificada na Ásia, com as bolsas japonesas em máximos de três meses e as chinesas também no verde. Já o português PSI-20 atingiu pela terceira sessão consecutiva com uma subida de 0,18% para 5.370,62 pontos.
O optimismo na Europa acontece depois de a China ter anunciado novas tarifas aduaneiras sobre as importações de bens norte-americanos no valor de 60 mil milhões de dólares, bem aquém da taxa alfandegária de 10% que incidirá sobre 200 mil milhões de dólares de importações de produtos chineses anunciada pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.
Esta espécie de trégua está a contribuir para uma acalmia generalizada nos mercados, que acreditam haver agora margem reforçada de conversação capaz de interromper a escalada na disputa comercial entre as duas maiores economias mundiais.