A Comissão do Mercado de Capitais (CMC) participou em Montego Bay, Jamaica, na 42ª Conferência Anual da Organização Internacional das Comissões de Valores Mobiliários (IOSCO).
A conferência que contou com a presença de mais de 400 delegados, entre representantes de comissões de valores mobiliários e outros players do sistema financeiro mundial, teve como foco os desafios de fortalecimento da resiliência do mercado; a abordagem à má conduta financeira e o financiamento da economia real através do mercado de valores mobiliários.
Para eles, temas como o papel das normas internacionais no mercado de valores mobiliários e como os reguladores podem apoiar o desenvolvimento do mercado, foram igualmente discutidos.
No decurso dos trabalhos da conferência, a CMC foi formalmente convidada para se tornar signatária do Memorando de Entendimento Multilateral da IOSCO (MMoU) sobre cooperação e troca de informações. Espera-se que a assinatura do Memorando seja realizada ainda no decorrer do ano em curso.
Numa recente comunicação, a CMC fez saber que o seu Plano Estratégico, para o período 2017/2022, poderá contribuir para o aprofundamento do mercado secundário de dívida pública e a preparação das bases para o surgimento efectivo do mercado dívida corporativa.
Na ocasião, a presidente da CMC, Vera Daves, disse que a dinamização do segmento dos fundos de investimento, o reforço da capacidade e eficácia da supervisão, através do uso de ferramentas tecnológicas modernas e modelos baseados no risco, serão também objectivos a ter em conta.