O Banco Nacional de Angola (BNA) realizou, no período de 26 a 29, vendas de divisas no montante de 500 dólares milhões. A taxa de câmbio média de referência do mercado cambial interbancário (MCI), apurada ao final da semana, foi de 97,903 kwanzas.

Para a gestão corrente do Tesouro Nacional, o Banco Nacional de Angola, enquanto operador do Estado, colocou no mercado primário
Títulos do Tesouro no montante de 5,5 mil milhões de, sendo 3,7 em Bilhetes do Tesouro (BT) e 1,8 em Obrigações do Tesouro (OT). Da emissão de OT, cerca de 100 milhões foram em leilão de preço, em moeda nacional
sem indexação.

A taxa de juro média para essa emissão foi de 7,00 por cento ao ano, para a maturidade de 2, registando-se uma variação de 0,34pp, face à semana precedente.

Foram, igualmente, emitidas OT com variação cambial, no montante de 1,7 mil milhões de kwanzas, nas maturidades de 2 e 3 anos, à taxas de juro de 7,00 e 7,25 por cento ao ano.

A taxa de juro média apurada para os BT foi de 4,73 por cento ao ano para a maturidade 364 dias, registando-se variação de 0,03pp, face ao leilão anterior.

Operações monetárias
Para a regulação da liquidez o BNA realizou no mercado monetário operações de mercado aberto (OMA), para absorver liquidez, no montante de 25,3 mil milhões de kwanzas, na maturidade de 63 dias.

No mercado interbancário, os bancos realizaram entre si cedências de liquidez overnight, sem garantia de títulos, no montante de 285,9 mil milhões de kwanzas, volume inferior em cerca 28,41 por cento ao da semana anterior, de 399,4 mil milhões. O volume médio diário de transacções foi de 71,5 mil milhões.

A luibor overnight (1 dia) apurada no último dia da semana, com base nas cedências de liquidez acima referidas, foi de 2,96 por cento ao ano, sem variação pela segunda semana consecutiva. A luibor para as maturidades de 30, 90, 180, 270 e 360 dias situou-se em 6,78; 7,33; 7,93; 8,70; e 9,60 por cento, ao ano, registando variações de -0,02pp e 0,06pp em todas as maturidades, face à semana anterior.