A venda de divisas à banca comercial angolana no primeiro trimestre deste ano (Janeiro a Março) totalizou o montante de 4.550,3 milhões de euros, segundo dados do Banco Nacional de Angola (BNA). Os relatórios apresentados, semanalmente, pelo BNA referem-se à cobertura das mais variadas operações destinadas para a satisfação das necessidades gerais dos bancos comerciais. A taxa de câmbio média de referência de venda do dólar americano do mercado cambial primário, apurada durante os três meses, variou entre 166,279 e 166,737 kwanzas/dólar.

De acordo com os relatórios no mês de Janeiro o BNA realizou vendas de divisas ao mercado no montante de 1.932,7 milhões de euros, contra os 1.082,7 milhões no mês de Fevereiro, representando menos 52 por cento do valor disponibilizado no mês anterior.
Já no mês de Março para a satisfação das necessidades gerais dos bancos comerciais, o BNA disponibilizou 1.535,9 milhões.
As referidas vendas, foram destinadas a diversas operações, das quais se destacam os sectores de Bens Alimentares, Petrolífero e Indústria, com 839, 726 e 671 milhões de euros, respectivamente.
Na penúltima semana do mês de Março, isso de 27 a 31, o BNA disponibilizou divisas para a cobertura das necessidades de 11 sectores, num total de 98,9 milhões de euros, que representa apenas 20 por cento do valor da semana anterior. As operações do sector petrolífero absorveram o maior valor (53,7 milhões de euros), enquanto que para o sector Empresas diversas foram disponibilizados 8, 3 milhões. Foram, igualmente, beneficiados sectores como Operações com Bolseiros, Saúde e Necessidades gerais dos Bancos, com 6,8; 5,5 e 5,4
milhões, respectivamente.

Operações Monetárias
Segundo o mesmo relatório, no período entre 27 a 31 de do mês de Março, Para efeitos de regulação monetária o BNA realizou operações de mercado aberto (OMA) no montante de 54,3 mil milhões de kwanzas nas maturidades Overnight, 7, 28 e 63 dias, à taxas médias de juro de 1,25, 7,50, 11,00 e 13,00 por cento ao ano, respectivamente.
Para a gestão corrente do Tesouro Nacional, o Banco Nacional de Angola, enquanto operador do Estado, retomou as operações colocando no mercado primário Títulos do Tesouro no montante de 99,2 mil milhões de kwanzas, sendo 20,7 mil milhões em Obrigações do Tesouro Não Remuneráveis (OTNR) e 78,5 mil milhões em Bilhetes do Tesouro (BT).