O Banco Mundial (BM) vai consagrar 60 milhões 900 mil dólares americanos à renovação das infra-estruturas rodoviárias do Rwanda para intensificar a produtividade dos pequenos agricultores que enfrentam custos elevados no transporte das suas mercadorias para os mercados, soube a Pana esta segunda-feira de fonte autorizada em Kigali.

Aprovado pelo Conselho de Administração do BM, este financiamento inscreve-se no quadro da estratégia para reduzir a pobreza, estimular cada vez mais a economia e eliminar o fosso entre ricos e pobres que continua a aumentar, indica um comunicado da representação da instituição financeira na capital rwandesa.

Segundo o comunicado, esta soma, da qual uma parte estimada em 45 milhões de dólares americanos será concedida sob forma de crédito, vai garantir a execução de diferentes projectos de infra-estruturas rodoviárias na perspectiva de favorecer os meios de transporte nos eixos que ligam os grandes centros comerciais aos pequenos exploradores agrícolas.

Estes fundos servirão para apoiar as obras de renovação de 270 quilómetros de estrada entre os distritos de Karongi (Oeste), Rwamagana (Leste), Gisagara (Sul) e Nyamasheke (Sudoeste).

“Esta soma representa um apoio suplementar ao Governo rwandês com vista a garantir a segurança alimentar.