O Banco Nacional do Botswana retirou, com efeito imediato, a licença do gabinete local de câmbio, Berry Pee Bureau de Change, na sequência da sua decisão voluntária de cessar operações, anunciou esta semana o responsável da Comunicação dos Serviços de Informação do Banco, Seamogano Mosanako.
Em entrevista à imprensa, Mosanako aconselhou ao público a não se envolver em operações cambiais com qualquer pessoa que trabalhe para o Berry Pee Bureau de Change.
“O público está igualmente informado que é um delito, em virtude do artigo 304 da lei que rege o Banco do Botswana, fazer operações de compra e venda de moeda estrangeira sem uma autorização válida emitida pelo Banco”, advertiu o chefe da Célula de Comunicação do Banco Nacional do Botswana.
O Botswana, referiu, está a endurecer as suas leis cambiais que regem operações de câmbio para melhor lutar contra o branqueamento de capitais, um fenómeno predominante no país.