O fundador da Microsoft referiu à Reuters que actualmente as verbas de ajuda a países em desenvolvimento estão a ser aplicadas
de forma mais inteligente.
“Alguns países fizeram bons progressos na redução da mortalidade infantil e na redução da pobreza, sendo a Tanzânia um bom exemplo”, declarou Bill Gates durante uma visita a este país.
O filantropo norte-americano diz ver uma oportunidade para a erradicação da malária e da Sida, mas isso irá implicar “muita ciência e muito investimento”.
Bill Gates, através da fundação que leva o seu nome, já aplicou milhares de milhões de dólares pelo mundo fora nos últimos anos em doações, muitas das quais em África.
Entretanto, o homem mais rico do mundo acaba de se render ao Instagram e postou a sua primeira foto na rede social. Nela, o bilionário aparece a almoçar com crianças na Tanzânia. Em três dias, ele já tem quase 200 mil seguidores.
“Olá da Tanzânia, Instagram! Acabei de ter um óptimo almoço com crianças incríveis na Escola Primária de Kicheba, em Muheza, e conheci Upendo Mwingira, um médico notável que dedicou a sua carreira a combater doenças tropicais negligenciadas”, escreveu Gates. A foto já tem mais de 80 mil gostos.
“Sempre que viajo para lugares como este, gostaria que outros pudessem acompanhar as pessoas que eu conheço. Não tenho dúvidas de que isso os deixaria tão optimistas quanto eu sobre o progresso que acontece em todo o mundo. Vou compartilhando aqui fotos das minhas aventuras, e espero que vocês acompanhem”.