O ministro da Fazenda do Brasil, Guido Mantega, cancelou a viagem que faria a Moscovo nesta semana para participar do
encontro dos ministros de Finanças do G20 para fechar os cortes nos gastos públicos com a Presidente Dilma Rousseff.

O contingente do Orçamento da União, que deverá ser de aproximadamente 16,4 mil milhões de kwanzas, tem que ser anunciado
até ao dia 22 do corrente, quando vence o prazo para publicação do decreto de programação orçamentária.

O bloqueio de verbas tem o objectivo de criar condições para que o Governo cumpra a meta mínima de superávite primário,
equivalente a 2,3 por cento do Produto Interno Bruto (PIB), em meio das críticas à política fiscal.

A meta de superávite é de 155,9 mil milhões de reais (cerca de 3,1 por cento do PIB) para o sector público consolidado (Governo central, Estados e municípios), mas foi reduzida diante dos resultados fracos da economia local e consequentemente o baixo crescimento da arrecadação
das receitas ficais