O índice geral de emprego em Moçambique registou uma desaceleração em um por cento em Janeiro de 2019, comparativamente ao mês anterior, indica o Instituto Nacional de Estatística (INE).
O INE refere que o índice situou-se nos 121 por cento no mês do Janeiro, menos 1 por cento que no último mês de 2018 (Dezembro), a maior desaceleração em seis meses.
Esta variação negativa no índice geral de emprego, deveu-se a má performance nos sectores do turismo, comércio, transportes, indústria e outros serviços em 1,8, 1,1, 0,8, 0,1 e 0,7 por cento, respectivamente.
No geral, os resultados dos Índices das Actividades Económicas do mês de Janeiro de 2019, quando comparados com os do mês anterior, apontam, igualmente, para o decrescimento do índice geral de volume de negócios e do índice geral de remunerações em 12,8 e 3,4
por cento, respectivamente.
O Governo e empregadores representados pela Confederação das Associações Económicas (CTA) estão em rota de colisão.
A discussão em torno da revisão da Lei de Trabalho, a Lei 23/ 2007/ de 1 de Agosto já há muito que levantava acesos debates, em determinados círculos de opinião, mas com destaque para os empregadores, sindicatos e o Governo.
Actividade económica
No geral, os resultados dos Índices das Actividades Económicas do mês de Janeiro de 2019, quando comparados com os do mês anterior, apontam, igualmente, para o decrescimento do índice geral de volume de negócios e do índice geral de remunerações em 12,8 e 3,4 por cento, respectivamente.
A desaceleração do índice geral do índice de volume de negócios, foi devido a variação negativa verificada nos sectores de Transporte, Comércio, Turismo, Indústria e outros serviços em 18,9 17,7, 14,8, 2,0 e 19,5 por cento respectivamente, indica o Instituto Nacional de Estatística (INE), na sua síntese sobre os indicadores macroeconómicos.