A Organização Mundial do Turismo (OMT) declarou-se satisfeita com o compromisso assumido pelo Congo de fazer do turismo uma das prioridades da diversificação da economia, no país, segundo o seu secretário-geral, Zurab Pololikashvili.

Segundo Zurab Pololikashvili, o presidente do Senado congolês reiterou que o turismo faz parte das prioridades para a diversificação da economia do Congo.

Falando no termo de um encontro com os presidentes do Senado, Pierre Ngolo, e da Assembleia Nacional, Isidore Mvouba, o secretário-geral da OMT saudou a vontade do Governo congolês de fazer do Congo um destino turístico.

"Nós vamos acompanhar esta iniciativa para fazer com que os turistas afluam ao país", declarou.

Zurab Pololikashvili também indicou que a OMT tem o projecto de abrir uma escola sub-regional do turismo para ensinar as técnicas que permitam desenvolver as actividades turísticas nos diferentes países.

Pretende-se igualmente formar quadros congoleses, na sede da organização, para compreenderem o funcionamento do turismo a fim de que eles estejam em condições de desenvolvê-lo, no seu país.

O secretário-geral da OMT está em Brazzaville para participar na caravana da Carta Africana do Turismo.