Porsche, a luxuosa marca de carros desportivos e fabricante de SUVs da Volkswagen, afirmou que pretende dobrar os investimentos em electromobilidade para mais de 7,5 mil milhões até 2022, focando tanto em híbridos plug-in como em veículos completamente eléctricos.
“Estamos a dobrar os nossos gastos com electromobilidade de cerca de 3,6 mil milhões para mais de 7,5”, anunciou Oliver Blume, presidente do conselho da Porsche num comunicado. “Paralelamente ao desenvolvimento dos nossos modelos com motores de combustão, estamos a estabelecer um importante caminho para o futuro com essa decisão”, disse.
Cerca de 622 milhões de dólares dos gastos adicionais serão usados para o desenvolvimento das variantes e derivados do Missão E, que é totalmente eléctrico. Os outros 1,2 mil milhões serão empregues na electrificação e hibridização dos carros existentes, incluindo a SUV Cayenne e a limusine Panamera.