O ministro sul-africano do Comércio e Indústria, Rob Davies, anunciou, na passada terça-feira, a nomeação de uma nova equipa à frente do Conselho dos Negócios do Grupo dos BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).
Segundo a Agência PANA, a nova presidente, Busi Mabeza, diz estar determinada para promover os interesses comerciais da África do Sul através das actividades do Conselho.
O novo Conselho é composto por cinco membros detentores de uma ampla experiência em negócios aos níveis local e internacional.
Trata-se de Busi Mabeza, Ayanda Ntasluba, Bridgette Radebe, Stavros Nicolaou e Elias Monage.
Isto implica desempenhar um papel de facilitador na aceleração das interacções inter-empresas (B2B) entre os Estados-membros do grupo BRICS para apoiar as trocas comerciais acrescidas, investimentos e um engajamento comercial.
A África do Sul é actualmente presidente do Conselho dos Negócios do grupo BRICS, cuja presidência será transferida para o Brasil durante a reunião a meio percurso do Conselho dos Negócios do grupo BRICS que deve decorrer, em Abril.

Promoção do Comércio

O Conselho foi criado durante a V cimeira dos BRICS, organizada em Durban, em 2013.
A criação deste Conselho tinha por objectivo constituir uma plataforma destinada a promover e reforçar os laços comerciais e os laços de investimento entre os meios de negócios dos cinco países-membros do grupo dos BRICS.
“É imperioso que o Conselho dos Negócios dos BRICS evolua no quadro de actividades comerciais organizadas, na África do Sul, e seja suficientemente representativo e acessível a todas as empresas”, declarou o
ministro sul-africano.