A empresa Acacia Mining Plc, uma das maiores produtoras de ouro em África, anunciou segunda-feira que ultrapassou o seu objectivo na Tanzânia, em 2018, quando a produção de ouro atingiu 521 mil e 980 onças para um ano completo.
“Este dado é nitidamente superior às nossas previsões iniciais de produção para o exercício que eram de 435 mil a 475 mil onças. Estou contente com a resiliência, o trabalho árduo e a dedicação que os nossos trabalhadores demonstraram para realizar esta proeza, apesar de um ambiente operacional difícil”, declarou Peter Geleta, director-geral
interino da empresa.
Segundo ele, durante os últimos 12 meses, a empresa concentrou-se na estabilização da actividade, incluindo o regresso dos cash-flows livres do segundo trimestre, e terminou o ano com um saldo nítido em espécie de 88 biliões de dólares americanos.
Esta empresa que anda em conflito com o Governo tanzaniano por causa de dívidas não declaradas apresenta para o quarto trimestre uma produção de 130 mil
e 581 onças de ouro.
Segundo o seu relatório, o saldo de tesouraria em Dezemúltimo bro era de cerca de 130 milhões de
dólares americanos.